quarta-feira, 29 de março de 2017

Doria dá chilique ao ouvir da plateia que estava inaugurando programa de Dilma

Doria entregava as chaves do Programa Minha Casa Minha Vida às mulheres contempladas quando soltou a frase: “A força da mulher ninguém segura”. Foi o suficiente para ouvir da plateia um grito em resposta: “Força da Dilma para fazer as casas”.

Da Redação da Revista Fórum com Informações do Painel da Folha



O prefeito de São Paulo, João Doria, entregava, na manhã desta quarta-feira (29), as chaves do Programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal às mulheres contempladas quando soltou a frase: “A força da mulher ninguém segura”. Foi o suficiente para ouvir da plateia um grito em resposta: “Força da Dilma para fazer as casas”.

Foi o suficiente para Doria, mais uma vez, perder as estribeiras e dar outro de seus costumeiros chiliques. Começou a gritar com o rapaz: “Vai procurar a sua turma lá em Curitiba”.

E acrescentou: “Olha aqui, vou aproveitar para dizer para você, que veio aqui tentar estragar a festa dessas famílias, que elas não estão de acordo com você”, iniciou, com dedo em riste. “Golpista é quem rouba dinheiro público, golpista é quem rouba o povo”, continuou, ignorando solenemente que vários dos seus correligionários, inclusive o governador Geraldo Alckmin, presente à cerimônia, foi citado em delação da Odebrecht como tendo recebido R$ 2 milhões em dinheiro vivo nas campanhas de 2010 e 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário