quinta-feira, 31 de março de 2016

Pelo mundo, manifestantes defendem a democracia brasileira

Boa parte das grandes cidades europeias e das Américas teve manifestações de rua em prol da democracia brasileira

Nesta quinta-feira (31), brasileiros que vivem em várias cidades do mundo também se manifestaram a favor da democracia e contra a tentativa de golpe contra a presidenta Dilma Rousseff. Foram registrados atos em pelo menos 23 cidades: Paris, Lisboa, Coimbra, Londres, Genebra, Munique, Berlim, Copenhague, Amsterdã, Roma, Barcelona, Madri, São Francisco, Washington, Nova Iorque, Atlanta, Cidade do México, San Salvador, Montevidéu, Bogotá, Quito, Santiago e Buenos Aires.
Barcelona
Para Alessandra Vidotti, que saiu à Plaça Sant Jaume, em Barcelona, é um erro tentar atingir alguém que não é acusada de nenhum crime de corrupção. “Quando dizemos que não vai ter golpe, não estamos falando em tanques pelas ruas, mas em malabarismos políticos que querem destituir uma pessoa sem delitos”.
Paris
Em Paris, sob 7 graus, os manifestantes se reuniram na Place de la République para cantar, batucar e exigir a permanência de Dilma. Em uma das faixas, em francês, estava escrito: “Um Congresso corrupto acusa uma presidenta honesta”.
Coimbra.

Os estudantes brasileiros da Universidade de Coimbra, uma das mais antigas do mundo, se manifestaram entre os prédios históricos. Estudantes portugueses também se juntaram à manifestação.

Copenhague

Paris

Munique

Londres

Por Bruno Hoffmann, da Agência PT de Notícias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário